Páginas

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

A Garota do Calendário

Por: Débora Farias



Imagine conviver com um homem diferente por mês? E o mais difícil tentar não se encantar por nenhum deles, imaginou?

A série de livros a garota do calendário conta a historia de Mia Sauders, uma jovem que tem sua vida virada de ponta a cabeça, quando seu pai, um homem viciado em jogo e bebida, se envolve em uma divida de nada mais nada menos que um milhão de dólares com o agiota da região.

Desesperada para ajudar seu pai, Mia se vê em um beco sem saída, afinal como ela poderia conseguir tamanha quantia em tão pouco tempo? Foi pensando nesse pouco tempo, que ela busca ajuda em sua tia Miller através de sua agencia de acompanhantes de luxo. As regras são simples: a acompanhante deverá passar 24 dias na casa do contratante, deverá estar sempre disponível, arrumada e devidamente maquiada quando solicitada, a acompanhante não deverá andar pela casa descabelada ou sem maquiagem e a principal e não menos importante a contratação de uma acompanhante não dá o direito à relações sexuais, o sexo só poderá acontecer se a acompanhante desejar.

Perdida e já desiludida com seu coração, Mia acreditava que ser acompanhante seria fácil, afinal ela não pretendia se apaixonar. Mas ela vai ver que nem tudo é tão fácil...

Em janeiro, Mia conhecerá Wes – cineasta, surfista e mega gato – com quem descobrirá que nem sempre o que planejamos é o que acontece, além de descobrir que ela pode sim aproveitar um pouco desses 24 dias, por que não? Afinal, já que ela está na chuva porque não pode se molhar um pouco?

A história de Mia é envolvente e muito bem escrita, ela é uma personagem bem forte e que trás muitas marcas ao longo de sua vida, mas que nunca desistiu de lutar por algo melhor para si e sua família.

Audrey Carlan foi brilhante ao escrever essa serie, eu só li o primeiro e estou louca para sabe mais sobre Mia e o que acontecerá nos próximos meses.

Para os leitores que não leram, eu super indico a leitura. Para os que gostam romances eróticos leiam logo pessoas! O legal dessa série é que os livros são curtinhos, mas mesmo menores eles são muito bem escritos e bem estruturados. Para os que nunca leram o estilo, eu acho super válido começar por esse, lembrem- se que é sempre bom conhecer novo estilo literário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário