terça-feira, 28 de novembro de 2017

Mr. Romance




“Ele sabe o quanto eu o acho atraente e está constantemente me provocando para poder ganhar a aposta. Bom, ele vai descobrir rápido que enganar uma mulher que come fantasias românticas no café da manhã vai ser mais difícil do que ele pensava.”

Todo mundo que já passou por aqui sabe o quanto sou fã da autora Leisa Rayven, mas preciso dizer que dessa vez ela se superou.  E com essa declaração, apenas convido a todos a conhecerem o senhor Max Riley, nosso Mr. Romance.

Imaginem ter suas fantasias - sejam elas exóticas ou comuns - satisfeitas por um único homem, através de caraterização e sedução. Parece inimaginável que exista alguém assim, né? Errado. Max Riley, apelidado carinhosamente de Mr Romance é o responsável por realizar os desejos de inúmeras mulheres através de um jogo de sedução e fantasia. Ele é um acompanhante de luxo meu povo! Intenso né? JURO, VOCÊS NÃO FAZEM IDEIA! Mas, além disso, Max tem um único objetivo: mostrar a todas suas clientes que amor, devoção e sedução devem andar juntos.


Do outro lado somos apresentados a Eden Tate, uma mulher que acredita que não precisa de amor para ser feliz ou ser completa. Jornalista formada com honras, ela se vê presa a um emprego desmerecedor de seu potencial, até que ela vê sua possível promoção com uma pauta de arrasar: tentar descobrir quem é o MR. Romance. O que Eden não esperava era se surpreender e se envolver com sua chave para liberdade.

Investigar um cara que não quer ser rastreado é divertido, mas o melhor mesmo é quando o caçador vira a caça.  E é nessa briga de gato e rato que começa um jogo perigoso de sedução, apostas, inseguranças e muito romance. Afinal, até onde o amor é capaz de mudar uma pessoa? Uma carreira? Uma vida?

O que eu mais gosto na escrita da Leisa é que não conseguimos apenas captar romantismo e sedução, também é possível através das páginas, identificarmos temas como: sexualidade feminina - que é tão pouco falado nos livros-, relações familiares, relacionamentos abusivos, ceticismo quanto ao romantismo e a esperança em um relacionamento mais “tradicional”.

Mr Romance consegue te prender da primeira página a última, por isso um aviso: Leiam esse livro de peito aberto e deixem o ceticismo e as tradições num banquinho distante antes de pegar essa leitura. Max e Tate te mostrarão que amor, parceria, amizade e companheirismo andam SIM juntos.

E termino essa resenha lembrando uma conversa que tive com a Leisa na Bienal do Livro deste ano. Lembro-me dela perguntar quem era meu personagem favorito dela até aquele momento, e eu responder sem pestanejar que era o senhor Ethan Holt. Ela sorriu e disse: você ainda não conheceu nosso garoto Max. Pois é, acho que ela me deixou louca por mais um homem que ela escreve, mas não revelarei quem é meu preferido.
  

Se eu indico essa leitura? PRA ONTEM!!  


Nenhum comentário:

Postar um comentário