terça-feira, 2 de outubro de 2018

A Garota do Calendário - Outubro






“Tínhamos que abrir as feridas psicológicas e fazê-las sangrar para que pudéssemos curá-las. ”

Definitivamente Outubro foi diferente em muitos aspectos e inicia-lo foi fácil após aquele final bizarro de Setembro que me deixou com todos os cabelos em pé!

Mas chega de enrolar e vamos a resenha logo, não é?

Nesse mês Mia não teve um cliente diferente para lidar, ao contrário disso, ela precisou lidar com o homem que ama e com os demônios que ele trouxe nas costas após um episódio traumático – do tipo que nenhum ser humano merecia passar.

Porém o grande problema é que nem sempre sair do inferno é uma coisa fácil de se fazer, os fantasmas sempre estarão lá para te atormentar a menos que você os faça parar, mas a pergunta que fica é como? Como Mia poderá salva-lo?

Do outro lado deste drama todo que envolve a história, podemos ver uma Mia diferente, uma garota de negócios e uma grande profissional em ascensão. É bonito ver como ela começa a achar seu lugar no mundo e no mercado de trabalho. E eu preciso dizer que a nossa garota arrasa!

Confesso que nesse livro Audrey me pegou pelos cabelos, eu fiquei realmente mexida com os momentos de dor que esse casal passa, e principalmente com o ressuscitar do trauma do nosso garoto de Malibu. Foi triste ver as tentativas desesperadas de Mia em traze-lo a realidade a cada dia e a cada noite, foi doloroso acompanhar cada momento disso e ver um cara doce e alegre sendo a sombra do que já foi um dia por conta de memórias que só com ajuda ele poderia tentar abafar. Foi difícil ver uma mulher que mesmo tratada como “inimiga” estava dilacerada pelo mesmo trauma e até maior que o dele.

Então sim, esse livro é tão intenso, que consegue ser um mix de emoções surreais! Nós vemos uma mulher lutar para salvar o homem que ama do inferno que ele vive, ao mesmo tempo em que se permite acreditar que ela pode e consegue buscar sua própria identidade profissional. É realmente fantástico!

Eu indico essa leitura e preciso dizer que estou muito ansiosa com o próximo, então Outubro, meu amor, passa rápido ta? A Mia ta me esperando em Novembro, e eu estou muito, mais muito ansiosa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário