terça-feira, 16 de outubro de 2018

Máscaras - Histórias da Trilogia Não Pare!




Aviso da tia Débora: Se você não leu nenhum dos livros da trilogia Não Pare!, vou te interromper aqui mesmo e te convidar a acessar as resenhas dos Livro 1, Livro 2 e Livro 3, senão vai pegar spoiles a torto e a direito.

Sem mais delongas, vamos à resenha de Máscaras e eu precisava dizer: QUE SAUDADES DE ZYRK!

Com uma linha do tempo um tanto caótica, somos apresentados aos acontecimentos posteriores ao fim de Não Fuja! – tentarei ser sucinta, prometo – e ao mesmo tempo somos transportados ao passado antes de Não Pare! Não expliquei direito, né? Basicamente, nós teremos uma linha do tempo antes da série que envolve o passado enigmático de Richard e de outros personagens, e o futuro dele com Nina.

No decorrer de toda a trilogia, nós somos apresentados a inúmeros enigmas na forma de profecias  que, “aparentemente”, foram solucionados... Mas sinto informá-los de que eles não foram. Então, se segurem nas cadeiras e se preparem para muito tiro, porrada e bomba!

Com uma escrita deliciosa, nossa Pepper apresenta o olhar do nosso Rick, mostrando muito além da casca de durão, trazendo para nós as indecisões e até mesmo inseguranças do nosso ziquiniano favorito durante sua infância e principalmente seu encontro com uma tal híbrida gata.

Durante a leitura, somos transportados a saber quem foi Ismael e toda história desse cara que tem um coração ferido, mas imenso.

E nesse meio tempo, lidamos com Samantha e John em dois grandes períodos: a infância dos dois e o pós-guerra de Zyrk. E acreditem no que eu digo, estes são momentos cruciais na história.
Sim! Eu estou falando de narração intercalada, meu povo! Temos a voz ativa de geral! #FANGIRLMEDESCULPEM

Preciso dizer que foi ótimo conhecer outro lado – um mais maduro – do nosso casal. Nina se mostrou uma mulher incrível e admirável e Rick, céus, o Rick é o Rick e ponto. É impossível não se apaixonar por ele, ou melhor, por eles dois. Segurem um dos meus quotes favoritos!

“E ainda que por poucos minutos, eu faria que seu mundo fosse apenas eu. Eu e o sentimento maravilhoso e genuíno que nutro por ele.”

Eu não posso me aprofundar na resenha desse livro sem lotar vocês de spoilers, só posso dizer que as profecias ainda estão se cumprindo e que vem muito mais revelações por aí.

Definitivamente, FML Pepper não sabe brincar! Ela pega o nosso coraçãozinho de fã e nos deixa ensandecidos! Por que, na boa? que FINAL FOI ESSE, DONA PEPPER? QUER ME INFARTAR?? Eu realmente não estou sabendo brincar com a senhora, viu? Só me promete que teremos mais do nosso casal maravilhoso que tá tudo certo!

E se eu indico a leitura? PRA ONTEM!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário